21/09/2010

New Orleans Saints 25 x 22 San Francisco 49ers

Desde a derrota para o Vikings na temporada passada eu não ficava tão chateado. Depois do (desnecessário) "show" de Mike Singletary na TV, o 49ers veio com tanta a sede ao pote que não só venceu o Saints, como venceu a si próprio no processo. Resumindo a partida:


O que funcionou:


Alex Smith - Depois de um 1o quarto muito ruim, o QB acordou e fez sua melhor partida na NFL. Com tempo para ler a defesa graças ao novo sistema de playcalling, Smith dilacerou a defesa do Saints e comandou um belíssimo 2-minute drive (mais uma conversão) para empatar o jogo. Se Smith jogar o que jogou hoje, ou pelo menos próximo disto, pelo resto da temporada, o 49ers leva a NFC West sem fazer muito esforço.

Playcalling - O bracelete foi uma ótima escolha. O 49ers não teve problemas com o playcalling, que chegou rápido até o QB. O único delay of game sofrido pelo time não teve nada a ver com Jimmy Raye ou Mike Johnson. Aparentemente, houve uma confusão nas substituições. Resta agora ver se esse sistema será eficaz fora de casa.

Defesa - Colocando pressão pelo meio e mantendo os dois safetys bem ao fundo, o 49ers forçou Drew Brees a fazer passes curtos, limitando o forte ataque do Saints.

Linha ofensiva e Fran Gore - Depois de uma estréia terrível, os novatos Anthony Davis e Mike Iupati mostraram seu talento. Não só protegeram Alex Smith como abriram espaço para Frank Gore, cujo talento já é público e notório. Gore ganhou 110 jards em 20 corridas e anotou 2 TDs, sendo um por recepção.


O que não funcionou:

Turnovers - A razão pela qual o 49ers perdeu o jogo. O time entrou em campo despreparado, só conseguindo se encontrar lá pelo segundo quarto. Na NFL, isso é imperdoável.

Special Teams - Um punt "muffed", um safety punto horrível, holding no primeiro retorno do jogo e uma cobertura inconsistente mostraram que o treinador Brian Schottenheimer tem muito trabalho pela frente.

Michael Crabtree - Embora tenha feito uma ótima recepção no 3 quarto, demorou muito a entrar no jogo. Porém, é importante ter em mente que nós não temos como saber se a culpa foi exclsivamente dele, ou se o plano de jogo do 49ers era outro.

13 comentários:

Anônimo disse...

Eu também não sofria tanto a tempos. Vi o jogo e merecíamos a vitória. Erramos muito e o Saints não deu uma bola de graça. Parabéns a nossa defesa, pois segurar Brees e sua turma de ataque, as vezes com 6 opções, não é fácil. Gore foi monstro e Alex Smith precisa se concentrar melhor na linha de goal, a conversão de 2 pts no final quase foi pro espaço. O lance era dele, invadindo a End Zone. Vamos ver onde chegaremos este ano. Parabéns pelo blog.
ABs. Ricardo.

Rodrigo disse...

Se o 1o jogo foi um wake up call, esse foi uma heartbreaking loss.

Perdemos pra nós mesmos. Bastava não ter cometido aquele safety ridículo que o jogo seria outro... Mas não vou culpar a OL. Fizeram um bom jogo, abrindo espaço pro jogo e dando tempo pro Alex Smith. Acho que também faltou alguém chegar no ouvido do Philip Adams e dizer - "Cuidado com o vento, deixa essa bola pingar e pede fair catch"

E mesmo com as 2 INTs, Alex fez um bom jogo - soube segurar a bola quando necessário, soube se livrar dela na pressão e soube ganhar tempo (e jardas) com as pernas.

A única coisa que eu lamento foi ter dado tanto tempo pro Brees no final do jogo. Achei que naquele 1st and goal, devíamos ter corrido e deixado o cronometro rolando... Mas a campanha foi tão boa que Jimmy Raye se empolgou e apressou as coisas.

Assim como ano passado, mostramos que podemos fazer frente aos bons times da liga, mas ainda pecamos nos detalhes que fazem esses times serem tão bons.

Obs.: Patrick Willis rachou o Reggie Bush em 2!!! O cara é um monstro!!

Gabriel Mury disse...

Eu também não crucifico o Adams. É um rookie que foi jogado aos leões num jogo muito difícil por causa do vento. Além do mais, ele não foi o único que errou.

É levantar a cabeça e seguir em frente.

Francisco disse...

Bom passado a madrugada depois do jogo, agora dá pra pensar melhor, eu já tinha achado q o jogo tinha sido muito bom pro Niners.
Agora estava revendo o jogo, o ninners perdeu pra ele mesmo, pq conseguiu segurar o atual campeão e ainda conseguiu pressiona-los.
Existiram alguns erros inaceitaveis e o Adams ainda é novo na nfl, mas num pode fazer um negocio daquele, Crabtree tá passando muito tempo apagado, já o Smith eu não considero ele culpado das INTs que ele tomo, achei q foi a melhor partida dele e se ele jogar como disseram no post, perto disso q jogou hj o niner tem uma chance de jogar alguns jogos da playoff, vejam bem falei jogos do playoff, o time ainda tem q melhorar muito pra sonha com um campeonato da divisão, com o superbowl então nem se fala.
Mas pra finalizar o time foi muito bem do 2º quarto pra frente.

Andre Bogo disse...

Temos que ir com calma. Definitivamente, pior do que estava não podia ficar. O time fez um bom jogo sim, de igual pra igual com o Saints.
Perdemos pra nós mesmos sim, um time que pensa em almejar qualquer coisa nessa liga não pode cometer tantos turnovers. Não culpo o Adams, mas ele bem que podia ter deixado a bola, ou até dado um tapa nela para fora...

A OL jogou muito bem, abriu bons espaços para o jogo corrido e deu todo o tempo do mundo para o Alex Smith, que pode não ter feito um jogo brilhante, mas foi muito seguro no fim do jogo, mostrando garra e um mínimo de competência que se exige num QB.

Tirando os turnovers imbecis (como o do safety e o do retorno), esse é o 49ers que esperávamos no início da temporada. O gameplan montado foi bom, abusando dos screen passes e forçando o jogo corrido.

Para pensarmos em playoffs, temos que ganhar em Kansas City. O jogo passado foi bom para dar moral ao time, que tem que começar a impor o seu jogo.

O milagre que esperávamos quase aconteceu, mas pelo menos agora vemos luz no fim do tunel.

José Lages disse...

Estou muito orgulhoso do meu time! Wow!

Há muito tempo não me sentia bem assim em relação aos niners, estou muito esperançoso!!

Go niners!!

pauloo disse...

aquele palhaco q soltou o punt arruinou o time

Bruno Brandão disse...

Mury, eu só tenho uma coisa a dizer sobre o Crabtree. Apesar dele não ter abarecido muito no jogo, o JOsh MOrgan abareceu e muito bem. Eu acho q as defesas adversarias estào marcando melhor ele, e abrindo espaço para os Outros. Então normalmente só abaracerá mais para a final da partida mesmo. ainda mais com o Gore correndo desse jeito e o Davies continuar a jogar bem.

Anônimo disse...

Um jogo que surpreendeu a todos nós torcedores do 49ers, comparo esse jogo a estarmos num deserto isolados se esperança e qdo menos esperavamos vemos um oasis em nossa frente.

Como diz o presidente Barack Obama, Yes, we can! deu muito orgulho de ver o time motivado com o Canddlestick Park, cheio. Mas TURNOVERS decidem as partidas e foram crusciais nesse jogo.

Pra mim ate agora o melhor jogo da temporada, emocionante, cardiaco onde o lado torcedor aflorou mais que o tecnico..rsss

Mas o 49ers e ainda um time cheio de problemas, principalmente do special teams, com a contusao do Ginn como disseram aqui o novato foi jogado na cova dos leoes, temos tudo pra levar essa divisao a mostra disso que nossos rivais tb perderam seus jogos na semana, da pra buscar.

So nao gostei de nossa defesa ter jogado de prevent no ultimo drive dos saints, tinha de ir de pressao, se der tempo para o brees jogar ja era.

Alessandro

Rogerio Silva disse...

Gostaria de ver o Dorival Jr no comando dos Niners. Agora que o Santos o largou, bem que isso poderia acontecer, né

kadonha disse...

ahaauhahuuhauhauha kadonha sem estar logado = nilton sergio querendo aparecer, e tu cai nessa bem bonito ainda o Gabriel... po auhauhauhuha

Blog do Nilton Sergio disse...

Só gostaria de comentar que os dois posts assinados como "NS" não foram feitos por mim. Mas não tem problema porque até que eles ficaram decentes (tirando a parte da avó, claro, afinal as minhas duas já são falecidas há anos)

Gabriel Mury disse...

Po Kadonha,

É difícil lembrar quem posta logado e quem não posta.

Enfim, já fiz a limpeza.