27/04/2008

Draft 2008 - 2o dia

É hora do segundo dia do draft 2008. Foi possível observar nas 2 primeiras rodadas que o 49ers mudou um pouquinho sua filosofia. Em vez do BPA (melhor jogador disponível), o time tentou draftar por necessidade. Talvez isso seja um sintoma da mudança de poder na comissão técnica, com McCloughan estando acima de Nolan.

Vejamos o que o segundo dia nos reserva. O 49ers ainda precisa de um pass-rusher e de um OT.



Round 3 - Escolha 75 - Reggie Smith - CB/FS - Oklahoma

Ótima escolha. Smith é um ótimo jogador, apenas meio lento. De repente ele pode ser o substituto de Mark Roman.



Round 4 - Escolha 107 - Cody Wallace - C - Texas A&M

Outra boa escol
ha. Agora o 49ers oode ficar tranquilo em matéria de linha ofensiva, já que está com boa profundidade.



Round 6 - Escolha 174 - Josh Morgan - WR - Virginia Tech

EXCELENTE escolha. Assim como Smith, o 49ers consegue um jogador talentoso no segundo dia. Morgan tem talento de 2o round mas teve alguns problemas extra-campo. Mas, na 6a rodada, quem se importa com isso? Não é um WR muito rápido, mas é muito forte e de excelente impulsão. Pode vir a a judar o 49ers na redzone.

Round 7 - Escolha 214 - Larry Grant - OLB - Ohio State

Bom, é sétimo round, logo, o que vier é lucro. Grant é um pass-rusher razoável, porém, é baixo (6'1'') e leve (235 lbs). Seus pontos positivos são sua velocidade e sua dedicaçào. Vem para ser um jogador "situational", ou seja, só deve estar em campo nos passing downs, isso se ele conseguir um lugr no roster, é claro.


***

E assim acaba mais um draft do 49ers. Amanhã à tarde eu tentarei fazer uma análise mas profunda mas por hora, eis o que achei:

Ao contrário dos drafts anteriores da era McNolan, esse não teve jogadores que chamem a atenção, como um Vernon Davis ou um Patrick Willis e vocês definitivamente não verão o 49ers em nenhuma lista dos "melhores" desse draft. Foi um draft muito mais voltado para a necessidade, e no geral, acho que foi bom. Atacamos as deficiências nas trincheiras, e conseguimos bons jogadores no 3o e no 6o round.

Agora, é esperar pelo minicamp.

13 comentários:

Rodrigo disse...

Reggie Smith... agora acho q fomos de BPA! Pode ser nosso nickelback ou jogar de safety. Continuo preocupado com a falta de pass rush. Será q Cliff Avril chega ate o 4o round? Sinceramente acho q nao vamos pegar nenhum WR. Martz vai tentar garimpar algum rookie não draftado.

Gabriel Mury disse...

Sem dúvida, esse era o BPA.

Também acho que não devemos pegar WRs. Temos Johnson, Bruce, Hill, Battle e Lelie. Com o Martz, isso é mais que suficiente.

José Lages disse...

E O MANNINGNHAM?

josé disse...

o q é bpa?

Gabriel Mury disse...

BPA é a sigla de Best Player Available, Melhor Jogador disponível. Essa é a filosofia segundo a qual, no draft, ou você pega o melhor jogador disponível, independentemente da necessidade do time, ou faz um trade down.

João Ralha disse...

Eu queria o Quentin Groves, mas estou gostando bastante desse draft.

joão ralha disse...

ah, também acho que Reggie Smith vai jogar de Safety, pelo menos até ano que vem.

Ano que vem talvez Walt Harris se aposente, e tem uma ótima classe de Safeties.

Rodrigo disse...

9ers On the clock!

josé disse...

poderia fazer trade up e pegar o thompson pro pass rush. q mole!

Bruno disse...

Gostei bastante da escolha do Reggie Smith.

Anônimo disse...

Gabriel,

E a análise detalhada do draft?

Particularmente acho que fomos pelo caminho certo.
Nada de jogadores das skill positions. Nenhum Big Name.

Focamos nos linemen, bem ao estilo Patriots.
Acho que esse é o objetivo maior do draft, é principalmente pra nós, pois em drafts recentes já pegamos QB (Smith), RB (Gore), TE (Davis) e WR (Hill).
Acho que o que faltava mesmo eram os jogadores pra fazer o trabalho sujo.

Gostei especialmente de termos selecionado dois jogadores com potencial de starter para NT e C, duas posições em que na minha opinião estamos carentes e que são peças-chave para a produção das linhas de ataque e defesa.

Se acertamos nas escolhas (e a chance é grande) podemos ter uma boa surpresa, com esse pessoal carregando o piano e abrindo espaço pras estrelas brilharem.

Abraços,

Allan

Gabriel Mury disse...

Allan,

achei muito boa essa sua comparação com o Patriots. Acho que é por aí mesmo.

Hoje a tarde eu posto sem falta a minha análise do draft (eu estava esperando a coletiva do Balmer, que acabou atrasada).

Anônimo disse...

Pois é, agora que caiu a ficha do Draft, estou achando as escolha realmente boas.

E, ao contrário do esperado, o draft dos Niners foi bem rankeado pelos sites. Em geral B, mas vi até B+

Acho que podemos ter conseguido até 3 starters nas nossas escolhas de 1o, 2o, e 4o rounds.

E nossas linhas de ataque e defesa podem aparecer com grande mudança em relação ao ano passado.

Se o Wallace puder assumir a posição de C, com Rachal chegando, e mais Staley passando para LG, podemos ter uma OL muito mais produtiva.
E isso, mais a chegada do Martz podem transformar o ataque numa unidade muito superior, com crescimentos do Alex Smith e Vernon Davis principalmente. Isso sem falar em Issac Bruce que chegou e Jason Hill que pode esse ano subir no Depth Chart, além de abrirmos mais espaço para o Gore.

E na defesa, se Balmer for titular, mais a chegada do Justin Smith, e Sopoaga ou Franklin (um será backup - bom, por sinal) teremos condições de ter uma defesa 3-4 funcional, atraindo alguns double teams com o "3" e deixando espaço para P. Willis e os demais linebackers (lembrando que Lawson volta), o "4", fazerem as jogadas.
Talvez isso já seja suficiente para melhorar significativamente nosso pass-rush (não é difícil) e permitir que nossa secundária brilhe.

Pode ser que nada disso funcione, mas o caminho escolhido no draft me agradou, e muito.
Acho que atacamos as posições corretas.

Abraços,

Allan