14/06/2007

OTAs de quinta-feira, 14/06

Rapidinhas desta quinta-feira:

O CB B.J. Tucker lesionou um músculo do peito e é provável que fique fora da temporada. Não chega a ser uma notícia tão ruim para o time porque seria difícil para Tucker conseguir uma vaga no roster.

***

O LB Tully Banta-Cain mostrou toda sua habilidade de Pass Rusher ao forçar o QB Alex Smith a sair do pocket e lançar a bola pra fora.

***

Maurice Hicks, Brandon Williams, Arnaz Battle, Bryan Gilmore e Jason Hill alternaram-se no treinamento de retorno de kickoffs. Hicks foi o mais acionado.

***

A defesa treinou algumas jogadas com uma formação 4-3, com Ray McDonald e Ronald Fields como DEs e Bryant Young e Aubrayo Franklin como DTs.

***

O TE Delanie Walker não participou das atividades por "motivos pessoais".

***

O QB Trent Dilfer e o treinador de linha de ataque George Warhop deram uma bronca geral nos OLs por causa de seguidas saídas falsas, o que vem sendo um problema durante todos os OTAs.

***

O TE Vernon Davis tentou fazer uma recepção usando uma das mãos, mas não conseguiu. Com isso, teve de ouvir as gozações dos DBs. Davis tem sido um grande destaque dos OTAs.

***

O atque também treinou a formação de goaline, que foi um grande problema durante a última temporada. O novato RB Michael Clayton fez algumas corridas, mas Nolan não acredita que ele seja um "power-back". O técnico acha Clayton um RB mais de velocidade.

6 comentários:

Bruno disse...

Não aguento esperar pra ver o quanto o Vernon Davis vai jogar essa temporada.

Gabriel Mury disse...

Eu também não. Offseason depois do draft é um porre. rs

Rodrigo disse...

Andei vendo alguns vídeos do V. Davis... Sem o Eric Johnson no time, ele tem tudo p/ explodir e ser um dos melhores TEs da liga! Só espero q ele seja um pouco mais humilde e não sacaneie os adversários como eles faz com os companheiros de defesa! Rs

Obs.: Continuo achando q precisamos de power-back p/ ser reserva de Frank Gore...

Gabriel Mury disse...

Eu ainda acho que o M-Rob tem tudo pra ser esse power back.

Rodrigo disse...

O porte físico ele tem... Falta saber se realmente tem a habilidade de carrying necessária e agilidade p/ penetar nos espaços mínimos de uma defesa em formação goal line!

Gabriel Mury disse...

É, vamos esperar por essa temporada. Como se costuma dizer, o maior salto que um jogador dá é do 1o pro 2o ano. Mas estão comentando que o Robinson tá se saindo muito bem nos OTAs. Claro que é tudo "non-contact", mas já é alguma coisa. Vou postar as rapidinhas ainda hoje.